BATISMO DO SENHOR


LEITURA I Is 42, 1-4.6-7 

Leitura do Livro de Isaías 

Diz o Senhor:

«Eis o meu servo, a quem Eu protejo, o meu eleito, enlevo da minha alma. Sobre ele fiz repousar o meu espírito, para que leve a justiça às nações. Não gritará, nem levantará a voz, nem se fará ouvir nas praças; não quebrará a cana fendida, nem apagará a torcida que ainda fumega: proclamará fielmente a justiça. Não desfalecerá nem desistirá, enquanto não estabelecer a justiça na terra, a doutrina que as ilhas longínquas esperam. Fui Eu, o Senhor, que te chamei segundo a justiça; tomei-te pela mão, formei-te e fiz de ti a aliança do povo e a luz das nações, para abrires os olhos aos cegos, tirares do cárcere os prisioneiros e da prisão os que habitam nas trevas». 
Palavra do Senhor. 




LEITURA II Actos 10, 34-38 

Leitura dos Actos dos Apóstolos 

Naqueles dias, Pedro tomou a palavra e disse: «Na verdade, eu reconheço que Deus não faz acepção de pessoas, mas, em qualquer nação, aquele que O teme e pratica a justiça é-Lhe agradável. Ele enviou a sua palavra aos filhos de Israel, anunciando a paz por Jesus Cristo, que é o Senhor de todos. Vós sabeis o que aconteceu em toda a Judeia, a começar pela Galileia, depois do baptismo que João pregou: Deus ungiu com a força do Espírito Santo a Jesus de Nazaré, que passou fazendo o bem e curando todos os que eram oprimidos pelo demónio, porque Deus estava com Ele».
Palavra do Senhor.



EVANGELHO Mc 1, 7-11 

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Marcos 

Naquele tempo, João começou a pregar, dizendo: «Vai chegar depois de mim quem é mais forte do que eu, diante do qual eu não sou digno de me inclinar para desatar as correias das suas sandálias. Eu baptizo na água, mas Ele baptizar-vos-á no Espírito Santo». Sucedeu que, naqueles dias, Jesus veio de Nazaré da Galileia e foi baptizado por João no rio Jordão. Ao subir da água, viu os céus rasgarem-se e o Espírito, como uma pomba, descer sobre Ele. E dos céus ouviu-se uma voz: «Tu és o meu Filho muito amado, em Ti pus toda a minha complacência».
Palavra da salvação. 



ORAÇÃO DOS FIÉIS


1. Pela santa Igreja do Oriente e do Ocidente,
pelos ministros do Evangelho e do Baptismo
pelas crianças, por seus pais e seus padrinhos,
oremos, irmãos.

2. Pelos catecúmenos jovens e adultos,
pelos eleitos, que são o enlevo do Senhor
e pelos grupos cristãos que os acompanham,
oremos, irmãos.

3. Pelos que são baptizados neste dia
ou confirmados pelo Espírito, o Dom de Deus,
e pelos que procuram ser fiéis ao seu Baptismo,
oremos, irmãos.

4. Pelas famílias cristãs, pequenas Igrejas em cada lar,
pelos que buscam a Deus com rectidão
e por aqueles que se sentem oprimidos pelo Demónio,
oremos, irmãos.

5. Por todos nós que recebemos o Baptismo,
pelos que estão em graça e paz com Deus
e por aqueles que entre nós vivem nas trevas,
oremos, irmãos.

Música-litúrgica

Pároco