II DOMINGO DA QUARESMA 


LEITURA I Gen 12, 1-4a 

Leitura do Livro do Génesis
Naqueles dias, o Senhor disse a Abraão: «Deixa a tua terra, a tua família e a casa de teu pai e vai para a terra que Eu te indicar. Farei de ti uma grande nação e te abençoarei; engrandecerei o teu nome e serás uma bênção. Abençoarei a quem te abençoar, amaldiçoarei a quem te amaldiçoar; por ti serão abençoadas todas as nações da terra». Abraão partiu, como o Senhor lhe tinha ordenado.
Palavra do Senhor.
  



LEITURA II 2 Tim 1, 8b-10 


Leitura da Segunda Epístola do apóstolo São Paulo a Timóteo
Caríssimo: Sofre comigo pelo Evangelho, apoiado na força de Deus. Ele salvou-nos e chamou-nos à santidade, não em virtude das nossas obras, mas do seu próprio desígnio e da sua graça. Esta graça, que nos foi dada em Cristo Jesus, desde toda a eternidade, manifestou-se agora pelo aparecimento de Cristo Jesus, nosso Salvador, que destruiu a morte e fez brilhar a vida e a imortalidade, por meio do Evangelho.
Palavra do Senhor.  




EVANGELHO Mt 17, 1-9

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus
Naquele tempo, Jesus tomou consigo Pedro, Tiago e João, seu irmão, e levou-os, em particular, a um alto monte e transfigurou-Se diante deles: o seu rosto ficou resplandecente como o sol e as suas vestes tornaram-se brancas como a luz. E apareceram Moisés e Elias a falar com Ele. Pedro disse a Jesus: «Senhor, como é bom estarmos aqui! Se quiseres, farei aqui três tendas: uma para Ti, outra para Moisés e outra para Elias». Ainda ele falava, quando uma nuvem luminosa os cobriu com a sua sombra e da nuvem uma voz dizia: «Este é o meu Filho muito amado, no qual pus toda a minha complacência. Escutai-O». Ao ouvirem estas palavras, os discípulos caíram de rosto por terra e assustaram-se muito. Então Jesus aproximou-Se e, tocando-os, disse: «Levantai-vos e não temais». Erguendo os olhos, eles não viram mais ninguém, senão Jesus. Ao descerem do monte, Jesus deu-lhes esta ordem: «Não conteis a ninguém esta visão, até o Filho do homem ressuscitar dos mortos».
Palavra da salvação. 



ORAÇÃO DOS FIÉIS  


1. Para que o Papa N., os bispos e os presbíteros a ele unidos
recebam a graça de sofrer pelo Evangelho
e ponham a confiança em Deus, como Abraão,
oremos.


2. Para que os governos das várias nações
defendam os cidadãos e os seus direitos,
e tudo façam pelos mais pobres e esquecidos,
oremos.


3. Para que os doentes e todos os que sofrem
vivam unidos à cruz do nosso Salvador
e, um dia, cheguem à contemplação da sua glória,
oremos.


4. Para que os fiéis que se reúnem ao domingo
dêem testemunho de Jesus Cristo, luz do mundo,
aos que lhes pedem a razão da sua esperança,
oremos.


5. Para que esta assembleia de cristãos,
à medida que comunga o Pão do Céu,
se transfigure como Jesus no monte santo,
oremos.

Música-litúrgica

Pároco